5 Provas de que o canabidiol é uma Ajuda Comprovada para a Dor Crónica
Fevereiro 28, 2022 by silvia

Canabidiol é uma ajuda comprovada para a dor crónica

No campus de Ribeirão Preto, no Brasil, os testes em animais mostraram o potencial do canabidiol (CBD) na redução da dor crónica e no tratamento de comorbilidades associadas, como a ansiedade. Os resultados da pesquisa sugerem que o canabidiol pode ser um adjunto no tratamento da dor crónica e que também pode reverter o comportamento de ansiedade. Mas os investigadores alertam que os ensaios clínicos devem ser feitos para confirmar os resultados.

Uma investigação desenvolvida por cientistas do campus ribeirão preto da USP em animais de laboratório mostra a ação positiva do canabidiol (CBD) – substância extraída da planta sativa da Canábis – na redução da dor crónica e das comorbilidades associadas, como a ansiedade.

A investigadora Gleice K. Silva-Cardoso, do Programa de Pós-Graduação em Psicobiologia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP (FFCLRP) acredita que o CBD é uma estratégia promissora para o tratamento da dor neuropática crónica. O sistema canabinóide desempenha um papel essencial no circuito de sensibilidade à dor. O sistema endocanabinóide (encontrado no cérebro e em vários outros lugares do corpo humano e animal) foi descoberto no final da década de 1980, e desde então, vários estudos nacionais e internacionais envolvendo os efeitos terapêuticos do CBD ganharam tração. Um artigo de Gleice K. Silva-Cardoso foi publicado na revista Neurofarmacologia.

Os resultados são da fase pré-clínica (testes realizados em animais de laboratório), mas mostraram o potencial terapêutico do CBD na redução da perceção da alodynia (dor a estímulos leves, como um simples toque) e hiperalgesia térmica (uma condição dolorosa causada pelo aumento do calor) em animais com dor neuropática. Segundo a professora Christie Ramos Andrade Leite Panissi, do Departamento de Psicologia da FFCLRP e supervisora de investigação, além da redução da dor, os cientistas observaram "a ativação de regiões do sistema nervoso central relacionadas com a modulação das respostas emocionais".

homem bebendo da gota. O tratamento canabidiol será uma experiência relaxante.

Quanto ao fator emocional, Gleice afirma que a dor crónica nunca vem sozinha e é frequentemente associada a alguma comorbilidade, "especialmente ansiedade e depressão". Assim, ela acredita que a desordem deve ser tratada num aspeto multifatorial e não apenas físico. As avaliações da investigadora também são baseadas em resultados anteriores de um outro estudo que realizou no Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, quando avaliou as atividades neuronais (comunicação entre neurónios e seus recetores) numa área localizada no tronco cerebral: o núcleo parabraquial, envolvido na modulação da perceção crónica da dor e que também foi testado para recetores canabinóides.

Terapia para Dor e Respostas Emocionais

A canábis é composta por flavonoides, mais de 200 terpenos, e mais de 100 fitocanabinóides, entre os quais os mais conhecidos são o canabidiol (CBD, que não tem efeito psicoativo) e o tetrahidrocanabinol (THC, que tem um efeito psicoativo). Como um dos mais estudados, o CBD é capaz de ativar recetores canabinóides presentes no corpo e que faz parte do sistema endocanabinóide. Estes recetores podem ser ativados por substâncias endocanabinóides (produzidas pelo próprio corpo) e por derivados da Canábis, como o CBD ou outro agente sintético.

O professor Christie destaca que a procura de agentes terapêuticos, "especialmente para casos de dor crónica resistente aos tratamentos tradicionais", confirma a relevância do estudo, não só para a descoberta de novos fármacos, mas para a investigação de "novos usos de compostos já conhecidos e as possibilidades da sua ação conjunta, minimizando possíveis efeitos colaterais indesejáveis".

Gleice acredita que os resultados do estudo podem indicar o CBD como uma ajuda no tratamento da dor crónica que também pode reverter comportamentos semelhantes à ansiedade. Se este componente da Canábis ajuda a modular a aversão à dor, como se nota, fá-lo abordando "não só a parte de relevo mecânico do animal, mas também a questão desta modulação da perceção".

Apesar de celebrar os resultados, a professora Christie lembra que o estudo ainda é pré-clínico e que deve ser realizada mais investigação sobre o uso de canabidiol e outros derivados da canábis "até que sejam indicados para uso clínico no tratamento da dor crónica".

Tratamentos canabidiois

Gleice informa que, atualmente, existe "um leque de opções de estudo com o uso de canabidiol em várias doenças", focando-se principalmente nas suas propriedades "em comorbilidades e doenças neuropsiquiátricas". A substância tem demonstrado benefícios farmacológicos analgésicos e imunossupressores, com ação terapêutica para ansiedade, sono e distúrbios de movimento, "o que a torna uma substância com grande potencial terapêutico", observa Christie.

Os produtos com CBD já estão comercializados em vários países, incluindo Portugal, e "indicados para o tratamento da epilepsia, Parkinson ou Alzheimer, bem como analgésicos em doentes com cancro terminal", refere o professor.

folhas verdes de canábis e garrafa de vidro preto, um tratamento canabidiol.

Canabidiol e Dor Crónica: Uma Ajuda Comprovada

No campus de Ribeirão Preto, no Brasil, os testes em animais mostraram o potencial do canabidiol (CBD) na redução da dor crónica e no tratamento de comorbilidades associadas, como a ansiedade. Os resultados da pesquisa sugerem que o canabidiol pode ser um adjunto no tratamento da dor crónica e que também pode reverter o comportamento de ansiedade. Mas os investigadores alertam que os ensaios clínicos devem ser feitos para confirmar os resultados.

Uma investigação desenvolvida por cientistas do campus ribeirão preto da USP em animais de laboratório mostra a ação positiva do canabidiol (CBD) – substância extraída da planta sativa da Canábis – na redução da dor crónica e das comorbilidades associadas, como a ansiedade.

A investigadora Gleice K. Silva-Cardoso, do Programa de Pós-Graduação em Psicobiologia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP (FFCLRP) acredita que o CBD é uma estratégia promissora para o tratamento da dor neuropática crónica. O sistema canabinóide desempenha um papel essencial no circuito de sensibilidade à dor. O sistema endocanabinóide (encontrado no cérebro e em vários outros lugares do corpo humano e animal) foi descoberto no final da década de 1980, e desde então, vários estudos nacionais e internacionais envolvendo os efeitos terapêuticos do CBD ganharam tração. Um artigo de Gleice K. Silva-Cardoso foi publicado na revista Neurofarmacologia. Pode consultar mais informações sobre este tratamento canabidiol aqui:

Os resultados são da fase pré-clínica (testes realizados em animais de laboratório), mas mostraram o potencial terapêutico do CBD na redução da perceção da alodynia (dor a estímulos leves, como um simples toque) e hiperalgesia térmica (uma condição dolorosa causada pelo aumento do calor) em animais com dor neuropática. Segundo a professora Christie Ramos Andrade Leite Panissi, do Departamento de Psicologia da FFCLRP e supervisora de investigação, além da redução da dor, os cientistas observaram "a ativação de regiões do sistema nervoso central relacionadas com a modulação das respostas emocionais".

Quanto ao fator emocional, Gleice afirma que a dor crónica nunca vem sozinha e é frequentemente associada a alguma comorbilidade, "especialmente ansiedade e depressão". Assim, ela acredita que a desordem deve ser tratada num aspeto multifatorial e não apenas físico. As avaliações da investigadora baseiam-se também em resultados anteriores de um outro estudo que realizou na Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, quando avaliou as atividades neuronais (comunicação entre neurónios e seus recetores) numa área localizada no tronco cerebral: o núcleo parabraquial, envolvido na modulação da perceção crónica da dor e que também foi testado para recetores canabinóides.

Terapia para Dor e Respostas Emocionais

A canábis é composta por flavonoides, mais de 200 terpenos, e mais de 100 fitocanabinóides, entre os quais os mais conhecidos são o canabidiol (CBD, que não tem efeito psicoativo) e o tetrahidrocanabinol (THC, que tem um efeito psicoativo). Como um dos mais estudados, o CBD é capaz de ativar recetores canabinóides presentes no corpo e que faz parte do sistema endocanabinóide. Estes recetores podem ser ativados por substâncias endocanabinóides (produzidas pelo próprio corpo) e por derivados da Canábis, como o CBD ou outro agente sintético.

O professor Christie destaca que a procura de agentes terapêuticos, "especialmente para casos de dor crónica resistente aos tratamentos tradicionais", confirma a relevância do estudo, não só para a descoberta de novos fármacos, mas para a investigação de "novos usos de compostos já conhecidos e as possibilidades da sua ação conjunta, minimizando possíveis efeitos colaterais indesejáveis".

homem dando Canabidiol a um husky siberiano.

Gleice acredita que os resultados do estudo podem indicar o CBD como uma ajuda no tratamento da dor crónica que também pode reverter comportamentos semelhantes à ansiedade. Se este componente da Canábis ajuda a modular a aversão à dor, como se nota, fá-lo abordando "não só a parte de relevo mecânico do animal, mas também a questão desta modulação da perceção".

Apesar de celebrar os resultados, a professora Christie lembra que o estudo ainda é pré-clínico e que deve ser realizada mais investigação sobre o uso de canabidiol e outros derivados da canábis "até que sejam indicados para uso clínico no tratamento da dor crónica".

Tratamentos canabidiois

Gleice informa que, atualmente, existe "um leque de opções de estudo com o uso de canabidiol em várias doenças", focando-se principalmente nas suas propriedades "em comorbilidades e doenças neuropsiquiátricas". A substância tem demonstrado benefícios farmacológicos analgésicos e imunossupressores, com ação terapêutica para ansiedade, sono e distúrbios de movimento, "o que a torna uma substância com grande potencial terapêutico", observa Christie.

Os produtos com CBD já estão comercializados em vários países, incluindo Portugal, e "indicados para o tratamento da epilepsia, Parkinson ou Alzheimer, bem como analgésicos em doentes com cancro terminal", refere o professor.

Happy woman stretching
TOPIC

SIGN UP

Get daily updates
Sign up with your email address to receive news and updates.
silvia
Silvia is a freelance writer and medical cannabis activist who lives in Tacoma. When she’s not writing about cannabis or working to bring a better medical cannabis system to Washington, she likes to DJ, play adaptive sports and volunteer in his Tacoma community. She supports national legalization and the opening up of the medical cannabis market in all 50 states.
back to all posts
| Fevereiro 28, 2022
Bilhetes com óleo de canábis são a aposta para viagens mais suaves em Berlim em 2021
Bilhetes com óleo de canábis são a aposta para viagens mais suaves em Berlim em 2021 A operadora de transportes públicos de Berlim BVG apresentou um "bilhete de marijuana" comestível contendo óleo de canábis, que ela brinca ajudaria a aliviar o stress das viagens de Natal e aliviar o famoso mau humor dos berlinenses. A […]
<< read more
| Fevereiro 28, 2022
Os primeiros pedidos de licença de marijuana de Nova Iorque estão agora a ser aceites por uma tribo indiana.
Num comunicado divulgado na sexta-feira, a tribo referiu que tinha aprovado uma portaria em junho que aprovava a legalização da canábis recreativa e estabeleceu os seus próprios regulamentos. Os adultos com idades entre os 21 e os 21 anos estão agora autorizados a crescer até 12 plantas para uso pessoal, e a portaria estabeleceu um processo de licenciamento para empresas de licença de marijuana.
<< read more
| Fevereiro 28, 2022
Meladol, ideal para 1 noite de sono perfeita?
Num mundo cheio de informação e eventos, os problemas com o sono tornaram-se bastante comuns entre muitas pessoas em todo o planeta. A insónia pode ser uma consequência da ansiedade, stress, falta de hábitos saudáveis. Meladol pode ser um aliado valioso nestes casos.
<< read more
1 2 3 14
DIRECTORY
ARTICLES

Programs

Women Techmakets
Agency Program
Startup Launchpad

Programs

Phone
Name
Email

canna & co

cannabis company

Links

Magazine
Blog
Shop

Contact

Phone
Adrdress
Email
CANNA & CO, 2021 © All Rights Reserved | Desing by Tank Studio Lab
Political privacy | Terms & Conditions